Estado de São Paulo Transparência ALESP
16/05/2017 20:07

Assembleia aprova proposta para que mais cidades tornem-se de interesse turístico

Seis municípios são incluidos na categoria

Da Redação


A Assembleia aprovou nesta terça-feira, 16/5, proposta de autoria conjunta dos deputados, classificando os municípios de Agudos, Guararema, Iacanga, Barretos, Santo Antonio da Alegria e Sales como de Interesse Turístico. O projeto garante a cada cidade o recebimento de cerca de 650 mil reais por ano, que devem ser destinados a investimentos na infraestrutura turística. A utilização da verba deve fomentar a ampliação e o fortalecimento das atividades econômicas da região.

Para que seja considerado de interesse, a cidade deve ter atrativos turísticos, serviço médico emergencial, de hospedagem, de alimentação, informações turísticas e abastecimento de água potável e esgoto.

O líder do PSDB na casa, deputado Roberto Massafera, ressaltou que o projeto é um incentivo ao turismo no país. "Este setor da economia é um grande exemplo de fonte de renda no mundo, e São Paulo dará mais um passo para fortalecer o turismo interno. Nós temos cidades que, com pouca coisa, podem gerar polos turísticos abrangendo diversas áreas, inclusive paraísos ecológicos", defendeu o deputado.

Os municípios de Brodowski, Monte Alto, Rifaina, Rubineia, Sabino, Pedreira, Jundiaí, Espírito Santo do Pinhal, Tatuí, Piedade, Tapiraí, Santa Isabel, Martinópolis e Buritama já haviam recebido a classificação de interesse turístico em votação anterior no parlamento. A proposta é que, além das 70 estâncias já existentes no estado, declarem-se outros 140 municípios como de interesse turístico.