Mostra aborda trabalhadores da reciclagem e preservação do meio ambiente


05/07/2019 17:26 | Exposição | July Stanzioni - Fotos: Marco Antonio Cardelino

Clique para baixar a imagem" alt="Exposição Fotográfica "Cadeia de Reciclagem - um olhar para os catadores"Clique para baixar a imagem"> Clique para baixar a imagem" alt="Exposição Fotográfica "Cadeia de Reciclagem - um olhar para os catadores"Clique para baixar a imagem"> Clique para baixar a imagem" alt="Exposição Fotográfica "Cadeia de Reciclagem - um olhar para os catadores"Clique para baixar a imagem"> Clique para baixar a imagem" alt="Exposição Fotográfica "Cadeia de Reciclagem - um olhar para os catadores"Clique para baixar a imagem"> Clique para baixar a imagem" alt="Exposição Fotográfica "Cadeia de Reciclagem - um olhar para os catadores"Clique para baixar a imagem">

O mezanino da Assembleia Legislativa exibe a mostra fotográfica "Cadeia de reciclagem: Um olhar para os catadores", que destaca a importância dos trabalhadores envolvidos no processo de reciclagem e a importância da preservação do meio ambiente. A exposição é apoiada pelo deputado Carlos Giannazi (PSOL).

O livro " homônimo " foi lançado em 2014 pelo professor Jacques Demajorovic e pela fotógrafa Márcia Lima para discutir um dos grandes desafios das grandes cidades: alternativas para gerenciar quantidades crescentes de resíduos sólidos decorrentes da expansão da produção e consumo em nível mundial.

Uma das alternativas está justamente na ampliação da coleta seletiva e no reaproveitamento de materiais. No Brasil, são os catadores os principais agentes desta cadeia, porém são os que recebem a menor parcela do valor no processo.

Márcia despertou o olhar para a fotografia quando fazia cursinho na Poli, da USP e sonhava em ser cineasta. "Sempre tive um olhar para a área social, voltado para moradores de rua, movimentos sociais. Os catadores entraram na minha vida quando fui ver o filme "Estamira". Saí do cinema fascinada com a história da mulher que morava no lixão e era catadora e pensei: "preciso fazer alguma coisa aqui em São Paulo por eles".

A fotógrafa registrou os trabalhadores do Lixão do Embu Guaçu, na Copamare (primeira cooperativa de reciclagem de São Paulo) e em um Ferro Velho em Santo Amaro. "Foi fascinante conhecer a experiência de vida de cada um. Os acompanhei também em suas casas, no dia a dia do trabalho, andei durante o dia ao lado de um carroceiro e vi a realidade de perto, com pessoas desrespeitando os catadores, xingando", contou.

O livro surgiu após o olhar clínico do professor Jacques Demajorovic, que é ambientalista. À época ele estava escrevendo sobre o tema e lembrou que a fotógrafa havia feito registros a respeito dos catadores.

Segundo a fotógrafa, essa exposição estar na Assembleia significa muito. "Aqui é um espaço que circula muita gente e que pode impactar também os parlamentares para que tenham um olhar mais sensível para os catadores que vivem uma vida tão sacrificada", disse, lembrando que no Brasil só se recicla 3% do lixo que é produzido. "É muito pouco. Isso acontece porque faltam leis, falta incentivo do poder público para que isso mude".

A exposição "Cadeia de reciclagem: Um olhar para os catadores" fica no 1º andar da Assembleia Legislativa de São Paulo até o dia 12 de julho, das 8h às 20h.

Sobre os autores

Jacques Demajorovic é bacharel em economia, mestre em administração pública e governo e doutor em educação. Atua desde 1990 na área ambiental desenvolvendo programas, entre os quais gerenciamento de resíduos sólidos e sistemas de gestão ambiental. É professor do programa de pós-graduação em Administração do Centro Universitário da FEI na linha de pesquisa em sustentabilidade.

Márcia Lima é bacharel em fotografia, fotógrafa e arte-educadora. Trabalhou como repórter fotográfica no Diário Popular.

SERVIÇO

Título: Cadeia de Reciclagem: um Olhar para os Catadores

Autores: Jacques Demajorovic e Márcia Lima

Editora: Senac (SP)