Prêmio Inezita Barroso homenageia cantores e compositores


06/03/2020 13:12 | Sessão solene | Maurícia Figueira - Foto: Bruna Sampaio

Compartilhar:

Público Presente <a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-03-2020/fg247511.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Prêmio Inezita Barroso<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-03-2020/fg247513.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>  Prêmio Inezita Barroso<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-03-2020/fg247506.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Professora Bebel<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-03-2020/fg247507.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Marcos Martins,Dirceu Dalben e Paulo Fiorilo<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-03-2020/fg247508.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Beth Sahão<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-03-2020/fg247509.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Prêmio Inezita Barroso<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-03-2020/fg247510.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Prêmio Inezita Barroso<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-03-2020/fg247512.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Prêmio Inezita Barroso<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-03-2020/fg247514.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

Na manhã desta sexta-feira (6/3), 30 violeiros da Orquestra de Viola Caipira de Hortolândia tocaram o clássico caipira Chico Mineiro, no Plenário Juscelino Kubitschek. Entre eles estava Doraci Vieira, de 78 anos, que esteve na Assembleia Legislativa pela primeira vez. Além de viola, Doraci toca violão e violino. Para ela, participar de uma orquestra na terceira idade está sendo muito importante: "A música renova, eleva, dá sentimento para a vida".

O grupo de Hortolândia estava na Assembleia Legislativa para receber o Prêmio Inezita Barroso. Já na quarta edição, o prêmio homenageia personalidades que se destacaram na contribuição da música caipira de raiz.

Os homenageados são escolhidos todos os anos em votação na Comissão de Educação e Cultura. A entrega do prêmio se dá sempre próximo ao dia 4 de março, data de nascimento da artista.

A cerimônia de premiação foi conduzida pela deputada Professora Bebel (PT), presidente da Comissão de Educação e Cultura. "Acredito que Inezita Barroso universaliza todos os outros compositores e cantores que buscam a cultura de raiz. É a busca da nossa história", falou a deputada. A Professora Bebel destacou ainda que pediu ao presidente da Casa para ampliar a quantidade dos homenageados e que metade deles seja indicada pelos deputados e outra metade pela sociedade civil.

Um dos homenageados foi Guaracy Júnior, radialista, apresentador do Programa Brasil Viola Atual. "É um prêmio de grande importância para nós do ramo da moda caipira", afirmou.

Segundo o deputado Dirceu Dalben (PL), resgatar a memória de Inezita Barroso foi emocionante. "É a Assembleia Legislativa fazendo seu papel de reconhecer e valorizar o talento de compositores e cantores da música raiz".

Além dos citados, estavam presentes no evento os deputados Beth Sahão (PT), Carlão Pignatari (PSDB), Carlos Giannazi (PSOL), Emidio de Souza (PT), Paulo Fiorilo (PT), o ex-deputado Marcos Martins e o deputado federal Nilton Tatto.

Veja os premiados:

1) Adalberto Tadeu Baptista (Beto do Lolo), de Guapiara;

2) Dupla Chico Amado & Xodó, de Sumaré;

3) Festival do Folclore de Olímpia;

4) Filpo Ribeiro, cantor de folia de reis e romaria do divino;

5) Guaracy Júnior, radialista;

6) Irineu Santos, cantor e compositor do grupo Seresteiros da Feliz Idade;

7) Mauri Lima e Orquestra de Viola Caipira de Hortolândia;

8) OSCIP Sentimento Sertanejo - Organização da Sociedade Civil de Interesse Público para resgate, preservação e fomento da cultura de raiz caipira;

9) Pereira da Viola - presidente da Associação Nacional de Violeiros até 2010;

10) Dupla sertaneja Teodoro & Sampaio.

Além dos dez premiados, a Comissão de Educação e Cultura indicou mais dois, dentre as indicações recebidas, a serem contemplados em caráter extraordinário:

1) Dorinho (In Memoriam) - Ex-integrante do Trio de Ouro do Rádio Brasileiro;

2) Dupla Sertaneja Douglas e Kauan, de Santa Bárbara do Oeste.

Inezita Barroso

Inezita Barroso era o nome artístico de Ignez Magdalena Aranha de Lima. Além de ter sido uma das maiores intérpretes da música caipira, foi atriz, instrumentista, bibliotecária, folclorista, professora e apresentadora de rádio e televisão.

Foi a primeira mulher a gravar música caipira. Em 1954, gravou o primeiro disco brasileiro só com compositoras mulheres.

Entre os inúmeros prêmios recebidos por Inezita, destacam-se: título de Doutora Honoris Causa em folclore e arte digital pela Universidade de Lisboa; Troféu Roquette Pinto, como melhor cantora de rádio; Prêmio Guarani, como melhor cantora em disco e a Medalha Ipiranga, com o título de comendadora da música raiz.

Nasceu em 4 de março de 1925. Morreu em 2015, com 90 anos.