Teóloga e pedagoga recebem o Prêmio Santo Dias de Direitos Humanos


08/12/2006 19:52

Compartilhar:

Cerimônia de entrega do Prêmio Santo Dias<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/03-2008/SolStoDias-Marco-033.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Pedagoga Josephina Bacariça e a teóloga Heidi Ann Cerneka<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/03-2008/SolStoDias-Marco-017.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>  <a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/03-2008/SolStoDias-Marco-033.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

A teóloga Heidi Ann Cerneka e a pedagoga Josephina Bacariça receberam nesta sexta-feira, 8/12, no plenário Juscelino Kubitschek, o Prêmio Santo Dias, da Comissão de Direitos Humanos da Assembléia, presidida pelo deputado Ítalo Cardoso (PT). O prêmio é conferido anualmente a entidades, movimentos sociais ou personalidades que se destacaram na defesa dos direitos fundamentais da pessoa.

Nascida nos Estados Unidos, Heidi Ann está no Brasil desde 1997. É coordenadora da Pastoral Carcerária Nacional para questões femininas e faz parte do Grupo de Estudos e Trabalho "Mulheres Encarceradas". Josephina Bacariça é membro da Comissão de Justiça e Paz da Arquidiocese de São Paulo e atua no Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana. Trabalhou em projetos com jovens em situação de rua, coordenando e supervisionando programas para a Febem.