A parlamentares, diretor-geral da Artesp diz que edital de concessão da rodovia Mogi-Dutra será revisto

Edital foi suspenso pelo Tribunal de Contas do Estado em agosto
14/09/2021 18:49 | Transportes e Comunicações | Luccas Lucena - Foto: Reprodução Rede Alesp

Compartilhar:

Comissão de Transportes e Comunicações em ambiente virtual<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2021/fg273769.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Rafa Zimbaldi preside a comissão em ambiente virtual<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2021/fg273770.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Enio Tatto<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2021/fg273771.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Carlos Cezar<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2021/fg273772.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Roberto Morais<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2021/fg273773.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Milton Roberto<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2021/fg273774.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Rodrigo Gambale<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2021/fg273778.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Comissão de Transportes e Comunicações em ambiente virtual<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2021/fg273776.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Comissão de Transportes e Comunicações em ambiente virtual<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2021/fg273777.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Comissão de Transportes e Comunicações em ambiente virtual<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2021/fg273775.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

Em reunião realizada nesta terça-feira (14/9) pela Comissão de Transportes e Comunicações da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, o diretor-geral da Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo), Milton Roberto Persoli, afirmou que o edital de concessão da rodovia Mogi-Dutra (SP-088) será revisto, após suspensão do TCESP (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo).

Os parlamentares apresentaram queixas sobre a possibilidade de instalação de pedágio na rodovia após a concessão, assim também como na rodovia Mogi-Bertioga (SP-098). Ambas fazem parte do edital de concessão suspenso, no lote Litoral Paulista. Os pedágios dividiram regiões de um mesmo município, impossibilitando o vaivém das pessoas.

O deputado Rodrigo Gambale (PSL) criticou a possibilidade de uma praça de pedágio na região. "Uma instalação de praça de pedágio na região da Mogi-Dutra seria nada mais, nada menos, que uma situação de caça-níquel", falou.

Ele justificou dizendo que já há pedágio em Itaquaquecetuba (SP-070) e isso prejudicaria quem sai da Capital para ir trabalhar em Mogi das Cruzes. "As pessoas que vêm de São Paulo, que trabalham em Guarulhos, as que trabalham no município de São Paulo, pagariam já um pedágio em Itaquaquecetuba e dez quilômetros pra frente já pagariam outro pedágio ali na Mogi-Dutra pra entrar na cidade. É algo desproporcional e injusto para toda a população", disse.

Milton Roberto diz que estudos preliminares estão sendo conduzidos para saber como esse edital pode ser adequado de maneira a não afetar as pessoas que transitam na região. "O governo do Estado está bastante sensível a tudo isso, tanto que está sendo trazido pro estudo técnico. O pedágio de Mogi é um dos itens bastante sensíveis à análise e decisão do governo", disse.

O parlamentar André do Prado (PL) disse que o "pensamento é unânime" em relação ao pedágio. "É uma pauta que nos incomoda muito. Os deputados estaduais e federais, os prefeitos, a imprensa, a sociedade civil organizada, através do movimento ?PedágioNão?, têm se mobilizado com muita frequência pra mostrar que a sociedade do Alto Tietê não aceita a instalação do pedágio. Temos que ser ouvidos pelo governo", falou.

Concessões

O deputado Ricardo Madalena (PL) levantou o questionamento sobre a concessão de um trecho da rodovia Washington Luís (SP-310) que, segundo ele, vai vencer agora em setembro. O diretor-geral da Artesp afirmou que o vencimento foi alterado para daqui seis meses. "A Artesp, junto com o governo do Estado, já está publicando uma nova operação desse vencimento pra daqui 6 meses", disse. "Isso está sendo feito para que nesse intervalo a gente tome as decisões necessárias e que se encontre um acordo com a concessionária" falou.

Rodovia dos Bandeirantes

O deputado Rafa Zimbaldi (PL) cobrou a implantação de uma alça de acesso para Campinas na rodovia dos Bandeirantes, na altura do Shopping das Bandeiras.

O diretor-geral da Artesp afirmou que já há manifestação sobre esse caso. "Temos um compromisso firmado de buscar essa solução. Levamos isso ao conhecimento do nosso vice-governador e ao próprio prefeito de Campinas. O governador já nos deu sinal verde pra que a gente continue nessa linha", falou. "O papel da Artesp é trazer todos os envolvidos, como a prefeitura, a concessionária, a Polícia Rodoviária, a Câmara Municipal, pra um entendimento e uma decisão", disse.

Também estiveram presentes os deputados Carlos Cezar (PSB), Enio Tatto (PT), Jorge Wilson (Republicanos), Roberto Morais (Cidadania) e Sérgio Victor (Novo).