Usuários do Poupatempo poderão utilizar cartão de débito em pagamentos


15/05/2019 16:48 | Comissão | Fabio Donato - Fotos: José Antonio Teixeira

Parlamentares na comissão<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-05-2019/fg234180.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Márcio da Farmácia preside a comissão<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-05-2019/fg234181.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Parlamentares na comissão<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-05-2019/fg234182.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

O Poupatempo realizou cerca de 35 milhões de atendimentos no Estado em 2018. São dezenas de serviços prestados à população paulista, alguns deles rea­lizados mediante pagamento de taxas. Este foi um dos projetos discutidos pelos parlamentares na reunião da Comissão de Administração Pública e Relações do Trabalho, que se reuniu na quarta-feira (15/5). O Projeto de Lei 187/2018, de autoria da ex-deputada Célia Leão, possibilita os usuários do Poupatempo a realizarem os pagamentos referentes às taxas dos serviços usando cartão de débito, de qualquer banco.

Segundo o relator da proposta, deputado Marcio Nakashima (PDT), a medida facilita a vida dos cidadãos. "Facilita o pagamento dos tributos, já que qualquer pessoa pode pagar pelo cartão de débito. Evita transtornos, filas e vai agilizar o serviço e facilitar a vida dos usuários", declarou.

O presidente da Comissão, deputado Marcio da Farmácia (PODE), também aclamou a aprovação do projeto. "Quando o cidadão chega ao Poupatempo, ele tem que pagar as taxas com dinheiro. Esse projeto visa melhorar a vida do cidadão, pois nem todo mundo anda com dinheiro no bolso. É de alta relevância", elogiou o presidente.

Além dos citados, estiveram presentes no Plenário José Bonifácio os deputados Adalberto Freitas, Coronel Telhada, Rafael Silva e Valeria Bolsonaro.