Deputado encaminha demandas de Mogi ao DER

As matérias da seção Atividade Parlamentar são de inteira responsabilidade dos parlamentares e de suas assessorias de imprensa. São devidamente assinadas e não refletem, necessariamente, a opinião institucional da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.
25/11/2021 13:50 | Atividade Parlamentar | Da assessoria do deputado Marcos Damasio

Compartilhar:

Marcos Damasio em reunião<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-11-2021/fg278947.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

Em apoio às demandas de Mogi das Cruzes, na manhã desta quarta-feira (24/11) o deputado estadual Marcos Damasio (PL) intermediou agenda dos vereadores Mauro Yokoyama (PL) (Mauro do Salão), e Mauro de Assis Margarido (PSDB) (Maurinho da Odimecc), com a superintendência do Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

O vereador Mauro do Salão questionou ao superintendente do DER, Edson Caram, sobre a retirada das lombadas eletrônicas da Rodovia Mogi-Salesópolis (SP-88) e recebeu a boa notícia de que uma nova licitação está em andamento para a retomada do serviço.

Com isso, o vereador retirou o pedido de duas lombofaixas, uma nas proximidades da Escola Estadual Sentaro Takaoka, e outra em frente à NGK do Brasil, para aumentar a segurança e tentar reduzir o número de acidentes, que aumentou com a retirada das lombadas eletrônicas.

O vereador Maurinho apresentou dois pedidos de troca de tubulação de águas pluviais. No primeiro solicitou autorização para que a Prefeitura de Mogi das Cruzes faça a troca da tubulação na Vila Moraes, no bairro Manoel Ferreira. Como a tubulação fica no acostamento, a obra é mais simples de ser feita, sem necessidade de interrupção de trânsito.

O segundo pedido é para ampliar a galeria subterrânea em Mogi-Salesópolis, na altura da Paróquia Santa Cruz. De acordo com Maurinho, cerca de 80 famílias das imediações sofrem com enchentes quando há chuva intensa, pois a galeria atual não consegue dar vazão à água. O pedido foi encaminhado pelo superintendente para estudo.

"Foi uma reunião bastante produtiva, com boas notícias e o empenho da superintendência em estudar os pedidos apresentados", disse o deputado Marcos Damasio.