Requerimento pede mais unidades do PoupaTempo para o Estado

"Governo estadual alega falta de verba para implantar PoupaTempo", afirma deputado
27/09/2001 16:25


DA ASSESSORIA

O deputado estadual Salvador Khuriyeh (PSB) solicitou ao governo do Estado informações sobre a viabilidade de implantação de um posto de serviço do PoupaTempo - Centrais de Atendimento ao Cidadão - nos municípios de Taubaté, Caraguatatuba e Lorena.

Salvador Khuriyeh ressalta que o PoupaTempo, por concentrar diversos órgãos em um único espaço físico, favorece os interesses da população, que sempre busca agilidade e diminuição de tempo e custo para suas operações cotidianas.

No requerimento enviado ao governo estadual, Khuriyeh lembra que Taubaté, pelo seu desenvolvimento comercial e industrial, movimenta ações de considerável volume junto aos órgãos públicos e que, por estar situada no eixo Rio/São Paulo, não pode mais permanecer sem esse serviço.

Quanto a Caraguatatuba e Lorena, Salvador Khuriyeh salientou que a primeira possui a melhor situação entre os municípios do Litoral Norte, aptos a receber o PoupaTempo, contando também com um crescente número de turistas, que também devem ser alvo de bom e rápido atendimento. Em Lorena, o PoupaTempo serviria como facilitação às comunidades dessas cidades, suprindo suas necessidades de pagamentos e financiamentos.

Em resposta ao requerimento de Khuriyeh, José Eduardo de Barros Poyares, assessor-chefe da secretaria do Governo e Gestão Estratégica, explicou que o programa de governo do governador Mário Covas prevê a implantação de postos PoupaTempo com vocação regional nas cidades-sede das Regiões Administrativas do Estado de São Paulo.

Poyares continua no documento esclarecendo que a viabilização de unidades em outros municípios, ainda que sejam estrategicamente importantes para o conjunto da população, depende de alocação de novos recursos orçamentários. O assessor-chefe da pasta afirma que, a exemplo do que vem ocorrendo em outras municipalidades, a alternativa para esses municípios que solicitam o PoupaTempo seria a parceria com a iniciativa privada (shopping centers ou hipermercados) e com as administrações municipais.