Educação debate financiamento para atender portadores de necessidades especiais


25/09/2001 16:56


DA ASSESSORIA

A Comissão de Educação da Assembléia Legislativa promove nesta quarta-feira, 26/9, um debate para discutir alternativas de financiamento para o ensino de portadores de necessidades especiais. A deputada estadual Maria Lúcia Prandi (PT), presidente da comissão, acredita que a discussão será importante para a construção, em conjunto com a sociedade civil, de mecanismos que viabilizem a destinação de recursos públicos às instituições que desenvolvem projetos educacionais com este segmento da população. O encontro acontece, a partir das 14h30, no Auditório Teotônio Vilela.

"É preciso buscar um caminho para que estas entidades recebam financiamento. Este debate será extremamente importante, porque dele poderemos extrair propostas que indiquem uma fonte para este financiamento", explica a deputada Prandi. Atualmente, tramitam na Assembléia quatro projetos de Emenda Constitucional que visam garantir meios para o financiamento público dos projetos educacionais realizados pelas instituições que atendem aos portadores de necessidades especiais, como a APAE.