Metrô acima do peso


29/10/2004 17:49


Após ter recebido uma delegação de metroviários, Renato Simões (PT), que é o presidente da comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa, transmitiu a queixa por eles apresentada: trata-se da denúncia um programa implantado pelo metrô que obriga diversos seguranças a reduzirem seu peso em 5%, sob pena de demissão, tendo um ano para fazê-lo. "Não sou contra programas que venham atender à saúde e qualidade de vida dos funcionários, mas não se trata disso", disse o deputado. Segundo as informações relatadas por Simões, o cumprimento ou não das metas é exibido mês a mês em reuniões coletivas extremamente constrangedoras. "Convocamos o diretor do metrô e coordenador de Recursos Humanos a comparecerem na próxima reunião ordinária da comissão de Direitos Humanos, dia 11 de novembro. Queremos a garantia de que não haverá nenhuma demissão", concluiu.