Falta de funcionários no quadro de apoio da Educação


19/06/2009 18:17

Compartilhar:


A falta de contratação de funcionários do Quadro de Apoio escolar para o serviço de merenda, limpeza e segurança levou o deputado e professor Carlos Giannazi (PSOL), no dia 18/6, a acionar o Ministério Público Estadual por meio da tribuna da Assembleia Legislativa a fim de que seja aberta uma ação civil pública para investigar a falta de contratação de servidores e, na mesma ação, obrigar o governo estadual a regularizar a situação com a máxima urgência.

Para o deputado, que vem visitando constantemente as escolas da rede estadual e recebendo centenas de denúncias, a situação já é de calamidade pública. "Várias escolas de tempo integral não estão mais oferecendo a merenda por falta de funcionários e as crianças estão, literalmente, passando fome no ambiente escolar. A Secretaria de Educação tem que ser responsabilizada criminalmente", argumentou Giannazi.

Há mais de dois anos o parlamentar vem cobrando do governo do Estado a realização de concurso público para a contratação de servidores do Quadro de Apoio.



carlosgiannazi@uol.com.br