Grupo atua na defesa dos assentados do Banco da Terra


13/07/2004 15:37


Da assessoria do deputado Simão Pedro

O Ministério do Desenvolvimento Agrário autorizou o deputado Simão Pedro (PT) a articular a formação de um grupo de trabalho para analisar reivindicações de 17 associações de assentados de Itapeva, Buri e Capão Bonito, entre outros municípios do sudoeste paulista. O grupo será formado por representantes da Assembléia Legislativa, do Incra/SP e da Fundação Instituto da Terra de São Paulo para acompanhar a situação de 338 famílias. Elas pedem a revisão do contrato firmado com o Banco do Brasil, por meio do programa Banco da Terra, durante o governo de Fernando Henrique Cardoso. Os assentados enfrentam dificuldades para saldar a dívida assumida com o banco e não contam com assistência técnica.

Para discutir o tema, Simão Pedro reuniu-se em Brasília, em 30/6, com Eugênio Peixoto, secretário de Crédito Fundiário do Ministério do Desenvolvimento Agrário. A intermediação com o ministério havia sido solicitada em maio por representantes das associações, durante visita feita pelo deputado.

spedro@al.sp.gov.br