Biografia dos deputados eleitos em outubro/2010 - Pedro Bigardi


18/01/2011 15:23

Pedro Bigardi<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/01-2011/pedrobigardi3.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

Pedro Bigardi (PCdoB) fez o curso técnico em edificações no Colégio Vasco Venchiarutti em Jundiaí-SP. No ano de 1987, formou-se em engenharia civil pela Universidade São Francisco em Itatiba-SP.

Foi funcionário concursado da prefeitura de Jundiaí por 22 anos, onde desempenhou a função de engenheiro civil na elaboração do Plano Diretor e em diversos projetos, foi também coordenador do projeto de reurbanização de favelas da Fundação Municipal de Ação Social (Fumas). Também atuou como secretário de Obras em Campinas.

O deputado Bigardi tem sua base eleitoral na região de Jundiaí e cidades da Região Metropolitana de São Paulo. Na próxima legislatura, pretende lutar pela aprovação de três projetos de lei de sua autoria: o que cria o Parque Estadual Serra do Japi; o que garante gratuidade aos idosos acima de 60 anos no Sistema Metropolitano do Estado; e a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da Educação, que destina 50% dos recursos do pré-sal para as áreas de educação, meio ambiente e ciência e tecnologia.

Garantir mais recursos para as áreas sociais, fiscalizar o governo estadual e aprovar leis que beneficiam a população, assim o deputado pretende retribuir a confiança de seus eleitores e contribuir com o desenvolvimento do Estado de São Paulo.

Em sua opinião, a mobilidade urbana é um dos grandes problemas do Estado e exige projetos mais audaciosos e investimentos que garantam a circulação das pessoas e o escoamento de mercadorias. O tema será tratado pelo parlamentar na Frente Parlamentar de Logística, de sua iniciativa.

Pedro Bigardi foi filiado ao PT de 1985 a 2007, exerceu o cargo de presidente do diretório municipal e foi candidato a prefeito de Jundiaí em 1996, onde obteve 14,6% dos votos; em 2000, obteve 37,5%, e, em 2004, alcançou 42% dos votos. No ano de 2006, conquistou a quarta suplência de deputado estadual com mais de 51 mil votos.

No ano de 2007 ingressou no PCdoB, foi presidente do Comitê Municipal de Jundiaí e é membro da Comitê Estadual. Foi candidato a prefeito em 2008 e obteve 35% dos votos. Em 2009, ocupou a cadeira de deputado estadual, e, em 2010, foi reeleito com mais de 67 mil votos.