Aberto o 1º Programa de Formação de Agentes Políticos

(flash)
25/02/2005 11:48

Abertura dos trabalhos <a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/hist/Programa mesa3.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Recepção do evento <a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/hist/Programa recepcao.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

DA REDAÇÃO

O presidente da Assembléia paulista, Sidney Beraldo, abriu nesta manhã o 1º Programa de Formação de Agentes Políticos, evento dirigido a gestores públicos, especialmente prefeitos e vereadores eleitos em 2004. "O grande desafio é que nós, como gestores públicos, façamos dessa democracia ora consolidada a melhoria da qualidade de vida da população", afirmou Beraldo aos representantes de 126 municípios presentes.

Segundo a deputada Maria Lúcia Prandi (PT), 2ª secretária da Mesa Diretora, o evento é mais um passo que o Parlamento paulista dá no sentido de maior entrosamento com a sociedade. "Vamos trazer elementos para aperfeiçoar nosso trabalho como agentes políticos", declarou. "Uma casa legislativa não pode se ater às suas funções constitucionais de legislar e fiscalizar", completou o deputado José Caldini Crespo (PFL), 1º secretário. O evento, de acordo com ele, dará um importante passo ao debater critérios mais justos de redistribuição de tributos no Estado de São Paulo, a partir dos índices encomendados ao Seade pela Assembléia, o Índice Paulista de Responsabilidade social (IPRS) e o Índice Paulista de Vulnerabilidade Social (IPVS).

Um vídeo retratou O Fórum Legislativo de Desenvolvimento Econômico Sustentado, iniciativa cuja função é dar subsídios à Assembléia para debater a retomada do desenvolvimento do Estado tendo como norteadores o IPRS e o IPVS.

Ao final desta primeira parte do encontro, Sidney Beraldo deverá sugerir propostas de um repasse mais justo do ICMS aos municípios do Estado, com base em estudos desenvolvidos pela Unicamp.

Haverá palestras durante todo o dia em que serão abordados temas sobre a atuação do Poder Legislativo, a estrutura do sistema político brasileiro, as competências dos vereadores, entre outros.

Aguarde mais informações.