Projeto propõe criação da Microrregião de Catanduva


04/07/2011 09:18


Com o objetivo de promover o planejamento regional, voltado ao desenvolvimento socioeconômico e à melhoria da qualidade de vida da população, o deputado Geraldo Vinholi (PSDB) apresentou projeto de lei complementar que cria a Microrregião de Catanduva.

Compõem a microrregião cerca de 280 mil habitantes, englobando os municípios de Ariranha, Catanduva, Catiguá, Elisiário, Irapuã, Itajobi, Marapoama, Novais, Novo Horizonte, Palmares Paulista, Paraíso, Pindorama, Sales, Santa Adélia, Tabapuã e Urupês. Catanduva passa a ser sede da microrregião.

Cada vez mais a população se concentra em áreas urbanas, fazendo com que o Estado precise organizar políticas públicas adequadas. Demonstrando a importância dessa tendência administrativa, o governo estadual criou a Secretaria de Desenvolvimento Metropolitano, para gerenciar e viabilizar políticas públicas entre os municípios paulistas, o Estado e o governo federal.

"Esse projeto tem por objetivo dar mais identidade à região, colaborando para a retomada de seu potencial e contribuindo para colocá-la no caminho do desenvolvimento de maneira mais expressiva politicamente", acrescentou Vinholi.

Após a criação da microrregião, será implantado um Conselho de Desenvolvimento para definir prioridades e planejar o uso do solo, transporte e sistema viário regionais, habitação, saneamento básico, meio ambiente, desenvolvimento econômico e social, esporte e lazer, segurança pública, saúde e turismo regional.

A criação de microrregião é uma tendência natural de administração, e prevê a distribuição de recursos e definição de programas que possam atender municípios que apesar de serem vizinhos podem ter rendas muito diferentes. (mlf)



gvinholi@al.sp.gov.br