Estação Tietê do Metrô passa a se chamar Portuguesa-Tietê


12/06/2006 19:08


O deputado Afanasio Jazadji, vice-líder do PFL na Assembléia Legislativa, foi homenageado pela comunidade luso-brasileira de São Paulo, no sábado, 10/6, ao acompanhar a cerimônia de oficialização do novo nome da Estação Tietê do Metrô, que passou a se chamar Portuguesa"Tietê.

Foi por sugestão de Afanasio que o governador Cláudio Lembo assinou decreto com a mudança, para marcar a importância dos imigrantes lusos e do clube Portuguesa de Desportos. O deputado havia entrado, em abril, com projeto de lei na Assembléia para propor a nova denominação, lembrando: "Se vários outros clubes e comunidades já haviam sido homenageados, tendo seus nomes dados às estações do metrô paulistano, por que não perpetuar a lembrança do papel dos luso-brasileiros para a prosperidade de São Paulo?". Satisfeito com o fato de Lembo ter aceito sua sugestão em 12/5, Afanasio retirou o projeto.

O parlamentar argumenta: "Nada mais válido que escolher essa estação para ser o local de uma homenagem merecida, pois fica ao lado do lendário rio Tietê, que corta a cidade, que foi usado pelos bandeirantes e está bem perto da Portuguesa, um dos clubes esportivos mais tradicionais do Brasil".

Torcedor do Corinthians, Afanasio explica que a Portuguesa é um clube simpático para todas as demais torcidas de São Paulo e merece voltar para as principais divisões dos campeonatos Paulista e Brasileiro: "Temos ou teremos estações com os nomes do Corinthians, Palmeiras e São Paulo. Faltava a Lusa." Segundo ele, a Portuguesa de Desportos saberá honrar aquele time dos anos 50, que tinha Muca, Djalma Santos, Brandãozinho, Julinho, Pinga, Simão e outros craques: "O clube teve também outros grandes jogadores, como Ivair, Ditão, Nair, Leivinha, Félix, Zé Maria, Enéas, Rodrigo e Zé Roberto."

A antiga Estação Tietê, da linha 1 (Azul) do metrô, já está pintada com o novo nome: Portuguesa-Tietê. E foi em sua plataforma que Afanasio recebeu uma placa de homenagem da colônia luso-brasileira. O deputado falou aos que foram à estação para prestigiar o evento por ocasião do Dia das Comunidades Portuguesas: "Como deixar de homenagear, aqui, a pátria-mãe do Brasil, o povo que deu ao mundo os heróicos navegantes, assim como grandes reis, o gênio de Luís de Camões e, também, nosso primeiro imperador, D. Pedro I?".

Estiveram na cerimônia o presidente do Conselho da Comunidade Luso-Brasileira de São Paulo, Antonio de Almeida e Silva, o presidente da Portuguesa de Desportos, Manuel da Lupa, e os integrantes da Lusanet, Nelson Miguel de Paula e Emídio Tavares Valente, além de dirigentes, grupos folclóricos e torcedores.

A colônia lusa mostrou-se entusiasmada com a rapidez com que o governador Lembo e o deputado Afanasio providenciaram o novo nome. A Estação Portuguesa-Tietê, situada junto ao maior terminal de ônibus da América Latina, é uma das mais movimentadas de São Paulo. O número de passageiros registrados nas catracas a cada mês corresponde à população de Portugal.

deputadoafanasio@al.sp.gov.br