As paisagens estilizadas de Cristina Turqueto: uma voz poética além do véu das aparências

Acervo Artístico - Emanuel von Lauenstein Massarani
17/02/2005 14:02

Obra Pouso da alegria<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/hist/Christina Turqueto Pouso da Alegria.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a> Cristina Turqueto<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/hist/Christina Turqueto.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

Induzida a uma redescoberta cotidiana do mundo e com a finalidade de poder se confrontar e ser reconhecida, Cristina Turqueto estiliza suas paisagens com cores fortes e contrastantes.

Manifestando em cada sua obra e em cada pincelada, o vigor de seu temperamento, a pintura dessa artista se articula sobre um desenho prospectivo, com um válido empasto cromático.

Além da variedade dos temas, cada obra é coligada a outra por uma coerência de estilo que torna unitário seu discurso, animando-o de igual significado. Sua pintura é um ato de amor para com a paisagem, ato que cumpre com absoluta sinceridade.

Inequívoca testemunha da profunda medida de sua participação sentimental na criação pictural, sua interpretação se constitui numa transfiguração no quadro dos sentimentos e de fantasia da realidade.

Em "Pouso da alegria", obra doada ao Acervo Artístico do Parlamento Paulista, a artista sente a necessidade de dialogar, de penetrar na realidade da paisagem selecionada, mas bem além do espetáculo exterior, para colher o sentido, e capturar uma voz poética além do véu das aparências.



A Artista

Cristina Turqueto, pseudônimo artístico de Maria Cristina Santos Turqueto, nasceu em São Paulo no ano de 1947. Formou-se pelo IADÊ - Instituto de Arte e Decoração, onde freqüentou os cursos de Técnico de Arquitetura de Interiores, História da Arte & Introdução à Arquitetura e 4 séculos de pintura com o professor Ítalo Bianchi (1963 a 1965).

Participou ainda dos cursos de Antiguidades com o Professor Olívio Guedes de Almeida Filho, Mobiliário e Estilo com a Professora Sueli Prieto Neves, no Escritório de Pesquisa e Divulgação da Arte, (1985 a 1987) e desenho e pintura e Nanquim e Bico de Pena com a Professora Leonor Machado Cunha da Silva no Club Athlético Paulistano (1998).

Sua primeira exposição, data de 1998 no Club Athlético Paulistano e esteve presente ainda nas seguintes mostras:Club Athlético Paulistano, SP (1999 e 2000); Espaço Cultural do Clube Paineiras do Morumbi, SP (1999 e 2000); XV Salão de Artes Plásticas de Arceburgo, MG; "Mostra da Primavera", Casa da Fazenda, SP; Espaço Cultural Bar des Arts em colaboração com a Galeria Spazio Surreale, SP; Instituto de Cultura Ciências Letras e Arte, SP; IV Salão Oficial Contemporâneo, Litoral Paulista; "Pequenos Formatos", Galeria de Artes Jardins, SP; "La Magnfica II'', Espaço Cultural Infraero, em colaboração com a Galeria Spazio Surreale, SP (2000 e 2001); XXXVI Salão de Maio, Associação Brasileira de Belas Artes, RJ; Feira de Artes e Antiguidades, Espaço Cultural Shopping Iguatemi, SP";Prêmio Primavera", Museu Nazionale di Villa D'Este, Roma, Itália; III Salão Internacional do Petit Format, SP; IV Salão da Marinha, Associação Paulista de Belas Artes, SP; Expo Padova 2001, Itália (2001); IV e V Biennale D'Arte Intenazionale di Roma, Itália (2002 e 2004); "Premio Primavera", Palazzo Barberini, Roma, Itália; Castello Savelli, Roma, Itália; Galeria Royalty Arte, RJ (2002); Espaço Cultural Incor, SP; "Momentos", Espaço Cultural Conjunto Nacional, SP (2003); "Cores da Primavera", Espaço Cultural Conjunto Nacional, SP (2004).