Comissão aprova convocação do ex-presidente da FDE e seu filho


26/09/2013 18:25 | Da assessoria do deputado Carlos Giannazi

Carlos Giannazi (à dir.) justifica seu pedido de convocação aos Ortiz<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-09-2013/fg130334.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

Em mais um passo na direção do combate ao tráfico de influência perpetrado entre instâncias da administração pública e campanhas eleitorais, o professor e deputado Carlos Giannazi (PSOL) aprovou, na reunião da Comissão de Educação e Cultura da Assembleia Legislativa em 18/9, a convocação do ex-presidente da Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE), José Bernardo Ortiz, e do prefeito cassado da cidade de Taubaté, o seu filho José Bernardo Ortiz Júnior.

O deputado espera que possam ser esclarecidas, perante a comissão e membros da Comissão de Fiscalização e Controle convidados, as denúncias de tráfico de influência que teria ocorrido na mencionada Fundação durante o período em que o primeiro era presidente e, nessa condição, teria beneficiado o segundo durante sua campanha eleitoral à prefeitura de Taubaté e motivado a cassação de seu mandato eletivo.

Giannazi é membro efetivo da Comissão de Educação e Cultura e há tempos vem denunciando, ao MPE e ao Plenário da Assembleia, a malversação do dinheiro público pela FDE, entidade responsável pela manutenção, reforma e construção de escolas públicas estaduais, bem como pela compra de material para a rede.

carlosgiannazi@uol.com.br