Seminário sobre violência doméstica será realizado na Assembleia

Ações de prevenção e assistência serão debatidas entre parlamentares e especialistas
18/05/2016 18:08 | Da Redação

Seminário sobre violência doméstica<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-05-2016/fg189388.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

O Parlamento paulista sediará, na próxima sexta-feira, 20/5, das 9h às 14h, seminário sobre violência doméstica. O objetivo é debater com especialistas e autoridades as políticas públicas voltadas para o acolhimento às mulheres vítimas de violência. Também serão feitas sugestões para melhorar a legislação e colhidas denúncias de falhas no atendimento às vítimas.

"As ações positivas implantadas nos municípios serão divulgadas, como a Patrulha Maria da Penha, da cidade de Suzano", explica a deputada federal Keiko Ota (PSB-SP), que deverá presidir o evento. Segundo Keiko, a guarda civil municipal daquela cidade faz ronda junto a mulheres com medidas protetivas, com o objetivo de acompanhar e impedir a reincidência da agressão. A parlamentar informa que, a cada cinco mulheres, uma é agredida, e 21% dessas vítimas não denunciam nem procuram ajuda.

Está prevista também a participação do deputado Jooji Hato (PMDB), da senadora Simone Tebet (PMDB-MS), de representantes da polícia e do Ministério Público estadual, que devem divulgar resultados mais recentes do combate à violência contra a mulher.

Keiko Ota entende que o enfrentamento da violência doméstica ganha visibilidade com o debate público. Nesse sentido, o relatório do seminário será estudado pela Comissão Mista Permanente de Combate à Violência Contra a Mulher da Câmara dos Deputados, da qual Keiko é vice-presidente.