Lei torna o trabalho dos policiais paulistas mais seguro


16/07/2018 17:43 | Agora é lei | Da Redação

Compartilhar:

Imagem ilustrativa (fonte: Agência Alesp)<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-07-2018/fg226119.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

A Assembleia Legislativa de São Paulo rejeitou o veto e promulgou a lei que permite a doação de vidros blindados pela iniciativa privada ao governo do Estado para equipar as viaturas.

O projeto de lei prevê a instalação de blindagem nas viaturas das rondas ostensivas e de policiamento tático das policias civil e militar do Estado de São Paulo. O deputado Gil Lancaster (PSB), autor da iniciativa, acredita que a medida contribui para diminuir o número de policiais mortos em serviço.

"Esta medida não resolve todos os problemas, mas ameniza as mortes de policiais que recebem tiros no vidro dianteiro das nossas viaturas em armadilhas feitas por bandidos. Todos aqueles que pretenderem realizar as doações de vidros, poderão fazê-lo diretamente na Secretaria de Segurança Pública do Estado, que se encarregará em verificar a análise jurídica de cada proposta", explicou.

O projeto havia sido aprovado no final do ano passado, mas acabou não sancionado pelo governador. No final do mês de maio, o projeto teve o veto derrubado em plenário.