Fórum definirá perfil do aeroporto de Bauru


17/02/2005 15:19


Da assessoria do deputado Pedro Tobias

O governo do Estado vai realizar em Bauru um fórum para discutir o perfil logístico e sua influência na economia regional do novo aeroporto em construção na cidade. A informação é do deputado estadual Pedro Tobias (PSDB), que articulou e participou de uma reunião com o secretário de Estado dos Transportes, Dario Rais Lopes, em São Paulo, na terça-feira, 15/2. Também estiveram no encontro o prefeito de Bauru, Tuga Angerami (PDT), e o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Walace Sampaio.

De acordo com o deputado, o evento ainda não tem data definida para ser realizado, mas ele diz que será em breve. "O secretário dos Transportes quer reunir representantes do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo, o Ciesp, prefeitos, vereadores e empresários da região para discutir a função logística do novo aeroporto antes do início de sua operação", explica o parlamentar.

Pedro Tobias avalia que a iniciativa do Estado é correta. "É preciso pensar a atuação do novo terminal aeroviário através de um desenvolvimento integrado com a região", afirma. O deputado reforça que o novo aeroporto vai compor o cenário de transporte intermodal que tornará a região um centro logístico de importância no Interior do Estado. "Já temos rodovias duplicadas, a Hidrovia Tietê-Paraná com mais de 2 mil quilômetros navegáveis, as ferrovias com saídas para o porto de Santos e, agora, o novo aeroporto vai se integrar a esse sistema logístico", salientou.

Na avaliação de Pedro Tobias, o que precisa ser definido antes do terminal entrar em operação é o tipo de demanda de cargas que será transportado pelas companhias aéreas que vão aterrissar seus aviões em Bauru. "Pelo perfil que se apresenta para a região, deveremos ter produção de frutas e flores, produtos que necessitam de transporte rápido para os grandes mercados de consumo", observa o deputado.

Outro assunto discutido com o secretário de Estado dos Transportes foi a duplicação da rodovia Bauru-Arealva, no trecho entre o trevo do Jardim Pagani até o dispositivo de acesso ao novo terminal aeroviário da cidade. "O secretário nos disse que o projeto de duplicação está autorizado. Agora falta discutir as obras acessórias, como a construção de passarelas e marginais naquele trecho", explicou o deputado.

ptobias@al.sp.gov.br