Matéria apresentada na Assembléia prevê criação do Projeto Mutirão Universitário

Projeto pretende valorizar o potencial dos universitários para melhorar as condições de vida
03/09/2001 15:26


DA ASSESSORIA

Projeto de lei de autoria do deputado Alberto Calvo (PSB) tem como finalidade propiciar a milhares de universitários a oportunidade de assistir as comunidades mais carentes e participar de uma experiência de integração social e comunitária no trabalho de campo.

Trata-se da criação do Projeto Mutirão Universitário, que, segundo Calvo, "busca valorizar o potencial dos universitários e a excelência técnica, científica e tecnológica das instituições de ensino superior, como instrumento valioso para melhorar as condições de vida da população concentrada na periferia e nos bolsões de pobreza, principalmente das grandes cidades."

A proposição assegura total autonomia das universidades que participarem do projeto e favorece a execução de um vastíssimo leque de programas que não se limitarão ao atendimento médico-odontológico. Para o autor da matéria, "é imperativo que contemplem também programas emergenciais à moradia, saneamento básico, analfabetismo, violência familiar, prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e acesso à cidadania".

O projeto prevê que serão usados universitários das mais diversas áreas e caberá às universidades definir os critérios de avaliação dos acadêmicos que participarão do projeto, o qual servirá como estágio e currículo.

"O Projeto Mutirão Universitário será, sem dúvida, o pontapé que buscará minimizar a miséria e, conseqüentemente, dar melhores condições de vida ao nosso povo. Ganham o Estado, as universidades, os estudantes e a sociedade", afirma o deputado.

Alberto Calvo acredita que "a presença da universidade no dia-a-dia da população é um fator imprescindível para mantê-la viva em sua função, prestando serviços à sociedade civil e contribuindo para melhorar a qualidade de vida daqueles cidadãos que não tiveram acesso ao ensino básico nem ao universitário".