Governo do Estado fará opção por softwares livres


12/07/2004 15:41


Da assessoria do deputado Simão Pedro

O governo do Estado utilizará preferencialmente softwares livres nos computadores da administração pública. A informação foi transmitida pelo deputado Simão Pedro (PT), em 5/7, aos participantes da Exposição e Conferência Internacional de Soluções, Produtos e Serviços para Linux Corporativo (Linuxcorp Show 2004), ocorrida em São Paulo.

Em maio, um grupo técnico formado por determinação da Casa Civil, entregou relatório ao governo propondo uma política estadual de utilização de softwares e sugere a adoção preferencial dos programas livres. No final de junho, o secretário chefe da Casa Civil publicou resolução adotando a proposta.

"O Estado se abre ao tema para não ficar atrás do governo federal, que já assumiu como estratégica a política de migração para os softwares livres", disse Simão. Ele é autor de projeto de lei - aprovado pelas comissões técnicas da Assembléia - obrigando a adoção de programas livres pelo Estado. "De qualquer maneira - prosseguiu o parlamentar -, a nova postura do governo representa um avanço importante". Simão informou que já vinha dialogando com setores do governo sobre o tema.

De acordo com o inventário feito pelos técnicos do Estado, 96,3% dos programas utilizados pelos diversos órgãos do governo são proprietários. Para Simão, os softwares livres são a melhor solução para a informática pública. Em 2002, o Estado informou à Assembléia que gastou R$ 10 milhões na aquisição de programas para computador.

spedro@al.sp.gov.br