Da Tribuna


16/06/2010 18:43

Compartilhar:


Inclusão digital



Ricardo Montoro (PSDB) esteve hoje pela manhã na inauguração de dois telecentros. A meta da programação é atingir 400 unidades até dezembro de 2010, tendo até agora 355 telecentros já inaugurados. Essa inclusão digital da população oferece oportunidades de emprego e de negócios. Os equipamentos são viabilizados através de convênios realizados em parceria da prefeitura de São Paulo com organizações sociais e a inclusão digital atinge 1,7 milhão de paulistanos.(VB)



Greve dos servidores da Justiça



Carlos Giannazi (PSOL) que nesta manhã acompanhou, na Praça João Mendes, o movimento grevista dos servidores do judiciário, manifestou perplexidade e indignação pelo posicionamento dos juízes do Estado ante o movimento dos servidores do judiciário que reivindicam aumento de salário e plano de cargos e carreira. Para o parlamentar, o direito de greve, garantido pela Constituição, é fato ignorado pelos titulares do Judiciário. O representante do PSOL pede que seus colegas se juntem a ele contra a posição do pelo Poder Judiciário. (VB)



Greve dos servidores da Justiça



Olimpio Gomes (PDT) informou que a juíza Silvia Maria Meirelles manifestou seu reconhecimento ao direito de reunião dos servidores que permanecem na Praça João Mendes. O parlamentar falou que a demora no atendimento das reivindicações dos servidores prejudica a população, e que os juízes e desembargadores, que têm um dos mais altos níveis de salário do país, deveriam contemplar os servidores do judiciário com uma situação mais justa. Para Olimpio Gomes, o Poder Legislativo tem que fiscalizar a verba que é destinada ao Judiciário no Orçamento estadual e "abrir a caixa preta de seus salários!". (VB)



Dever do Estado, direito do cidadão



"O governo tem que se preocupar em melhorar a situação da educação e saúde do Estado", disse Pedro Tobias (PSDB). Para ele, a recusa dos responsáveis pelo Judiciário em melhorar a situação dos servidores constitui-se "na ditadura de uma minoria". Os juízes e desembargadores deviam se espelhar no exemplo do Executivo, afirmou Tobias, que aparelhou o Hospital Brigadeiro para que seja "100% especializado em transplantes, de rim, de fígado, de coração para servir a população". Para ele "o governo do Estado tem que velar pelos menos afortunados, que não têm mais ninguém que os defenda". (VB)



Estradas em alerta



Luis Carlos Gondim (PPS) pediu mais atenção do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) com o trecho que liga o município de Mogi das Cruzes até a Rodovia Dutra, passando por Guararema. Segundo o parlamentar, "várias barreiras caíram com as chuvas do início do ano e até agora não foi feita nenhuma correção". Gondim informou que o DER está evitando uma reunião em que ele onde possa apresentar os problemas."Caminhões com peso acima do permitido e balanças quebradas trazem mais risco à população", concluiu. (DB)



Falta de Segurança



Descontente com a falta de segurança no município de Santo André, Vanderlei Siraque (PT) informou que no dia 27/5 um jovem professor foi assassinado na porta de uma residência. O parlamentar pediu mais atenção da Secretaria de Segurança Pública do Estado com a investigação desse e de outros crimes para que os autores sejam punidos. "Tem que haver condenações para que esse e outros crimes não caiam no esquecimento, como acontece na maioria dos casos", afirmou Siraque. O deputado concluiu dizendo que "a sociedade já tem a sensação de insegurança, e agora não queremos que fique também com a sensação de impunidade". (DB)



Solidariedade



Fernando Capez (PSDB) foi professor do policial civil Fabio Fanganiello e o estimulou nesta carreira. "À vista de uma matéria agressiva e injusta que tenta fazer conexão entre ele e seu pai, dono da empresa GP de segurança, responsável pela segurança do Shopping Cidade Jardim, duas vezes assaltado", afirmou Capez, "não poderia deixar de dizer que censuro a matéria e externo minha solidariedade à empresa e ao Fábio por ser envolvido pelo simples fato de ser filho do dono da empresa". (MZ)



O pão nosso de cada dia



Vanessa Damo (PMDB) disse ter protocolado projeto de lei que oficializa o dia 13 de junho, como o "Dia Estadual do Trabalhador da Panificação". Para ela, esse dia passa a ser um marco para os mais de 153 mil trabalhadores do Sindicato dos Trabalhadores da Panificação e Confeitaria do Estado, responsáveis pelo "pão nosso de cada dia". (MZ)



País ufanista



Raul Marcelo (PSOL) registrou sua preocupação com o que chamou de "ufanismo do país com o futebol". Para ele, não existe o respeito internacional para com o país no que se refere à educação, saneamento básico ou saúde. Citou o IPE com dados que demonstram a regressão do Estado no setor industrial. "O povo brasileiro precisa, e ainda não conseguiu compartilhar a riqueza do país". (MZ)