Construção de abrigo para idosos suspensa em Jacupiranga


11/07/2007 16:40

Compartilhar:


A deputada Maria Lúcia Prandi (PT) teceu duras críticas ao governador José Serra pela suspensão de recursos que seriam destinados à construção de um abrigo para idosos no município de Jacupiranga, no Vale do Ribeira. O município é administrado pelo PT. A parlamentar não tem dúvidas de que houve perseguição partidária: "Serra tem anunciado a destinação de verbas para várias outras cidades de sua base aliada", explicou.

A verba para Jacupiranga construir o abrigo foi assegurada por meio de emenda ao Orçamento do Estado, apresentada pela parlamentar e aprovada em Plenário. Posteriormente, o ex-governador Cláudio Lembro autorizou a liberação do recurso, agora suspenso pelo governador Serra.

Para Prandi, há um claro partidarismo. "Serra governa com o carimbo da política partidária, não governa para a população. Ele não respeita a Assembléia Legislativa, não respeita o ex-governador Lembo e não respeita o que é publicado no Diário Oficial", criticou.

A emenda de Prandi destinava R$ 150 mil para a prefeitura de Jacupiranga. O abrigo de idosos é uma antiga reivindicação local. A verba foi cancelada sob alegação de falta de recursos, o que Prandi contesta. "Já tínhamos esse recurso carimbado, que ficaria em restos a pagar, no início de janeiro", afirma.

Ainda segundo Prandi, o Estado apresentou excesso de arrecadação, no montante aproximado de R$ 3,7 bilhões até o mês de maio. "É um desrespeito", reafirmou, lembrando que para cidades dos deputados da base governista, a distribuição de recursos tem sido farta. "Este é o governador democrático e republicano, que é como ele se vê. É importante que a população o veja como ele realmente governa", enfatizou.

O governador José Serra também cancelou a liberação de R$ 350 mil para a Santa Casa de Santos. A verba havia sido obtida por meio de outra emenda ao Orçamento do Estado, proposta pela deputada Prandi.

mlprandi@al.sp.gov.br