Wellington Moura

Nascido em 1979, na cidade de Santos (litoral de São Paulo), Wellington Moura sempre atuou na área social.  Em 2004, por meio da sua atividade como radialista, teve contato com familiares de presidiários e percebeu como seria importante dar uma atenção especial a eles, pois pôde ver de perto a dor e o desamparo que sentem. Assim, iniciou um trabalho social pelas rádios que auxiliou e confortou milhares de pessoas. Atuou também nas comunidades, junto aos menos favorecidos e carentes.  Preocupado com aqueles que não possuem um lar, formou um grupo de voluntários que distribuía comida e roupas nas madrugadas de São Paulo para pessoas em situação de rua, o Anjos da Madrugada, com o qual trabalha até hoje, em todo o Estado de São Paulo, e que já ajudou milhares de pessoas com alimentação, corte de cabelo e barba, cobertores, produtos de higiene pessoal e assistencial social. Consciente de que é nessa área que está um dos maiores problemas do nosso País, voltou sua atenção também para os asilos e orfanatos, pois entende que as crianças e os idosos são a parte mais frágil de nossa sociedade e precisam de apoio e auxílio.  Estando nos bastidores, sentiu, em 2014, que seria importante ter um trabalho mais ativo, que pudesse ajudar de forma mais consistente os menos favorecidos, e, desse modo, decidiu concorrer ao cargo de deputado estadual, para o qual foi eleito com 83.479 votos, provenientes de pessoas que reconheceram o seu trabalho e depositaram nele a confiança de que poderia fazer ainda mais pela sociedade. Durante os 4 anos de seu primeiro mandato, destinou 63 milhões de reais para cidades do interior e do litoral paulista investirem em saúde, infraestrutura, pavimentação, esporte e lazer. É autor, entre outras normas, da Lei Bariátrica — que concede desconto de 30% a 50% sobre o preço normal da refeição para quem teve o estômago reduzido — e da Lei que proíbe a venda de bebidas alcoólicas nas áreas de abastecimento dos postos de gasolina de todo o Estado de São Paulo. Em 2018, foi reeleito deputado estadual por São Paulo com 80.272 votos, tomando posse no dia 15 de março de 2019 com a promessa de continuar trabalhando em defesa da família.    O deputado é casado desde o ano 2000 com Mariana Moura.